segunda-feira, 27 de março de 2017

LITHUANIAN LANGUAGE

Lithuanian is a language which belongs to the family of Indo-European Languages, Baltic branch, eastern group. Its alphabet consists of 32 letters, being 11 vowels and 21 consonants. It does not use articles, nor indefinites as definites, as well as Russian and Latin. In relation to declensions, in Lithuanian, there are 7 cases, which are: nominative, genitive, dative, accusative, instrumental, locative and vocative. It is worth remembering that in German are 4, in Latin 6, in Classical Greek 5 and in Modern Greek 4, and in Russian 6.

There are 3 simple tenses, which are the past, present and future. And there is also the past frequentative tense which represents an action that happened in the past, as well as the "used to" in English language. It is not possible to describe a continuous action in Lithuanian, as in English, e.g., if you call a Lithuanian, you ask him what are he doing, he replies that he reads a book and not that he is reading a book. In addition to the indicative mood, we have in Lithuanian the conditional and the imperative. The third person singular and plural are always the same.

In Lithuanian, as well as in Russian, there are verbal aspects, but in the first language, they are in all tenses, being that in Russian, it only applies to the past and the future. The aspect is divided in perfective and imperfective. In the perfective, we put a prepositional particle at the beginning of the verb and it modifies the meaning of that verb. In the imperfective, the verb maintains the infinitive. 

The adjectives always come before nouns, as in English, German, Russian and Chinese. In relation to gender, we have the masculine and the feminine.

This was just a brief overview of the Lithuanian language.

domingo, 26 de março de 2017

LÍNGUA LITUANA

O lituano é uma língua pertencente à família das Línguas Indo-europeias, do ramo Báltico, grupo oriental. O seu alfabeto é composto por 32 letras, sendo 11 vogais e 21 consoantes. Não utiliza artigos, nem indefinidos quanto definidos, assim como o russo e o latim. As declinações, em lituano, possuem 7 casos, nominativo, genitivo, dativo, acusativo, instrumental, locativo e vocativo. Vale lembrar que em alemão são 4, em latim 6, em grego clássico 5 e no moderno 4, e em russo 6. 

Possui 3 tempos verbais simples, que são o passado, o presente e o futuro. E um tempo passado frequentativo que representa uma ação que se realizava no passado, como é o caso do "used to" no inglês. Não há em lituano a noção de uma ação contínua, como em inglês. Se você ligar para um lituano, você o pergunta o que ele faz e ele te responde que lê um livro e não que está lendo um livro. Além do modo indicativo, temos em lituano o condicional e o imperativo. A terceira pessoa do singular e do plural são sempre iguais. 

Em lituano, assim como em russo, existem os aspectos verbais, mas no primeiro idioma, isso funciona para todos os tempos, sendo que em russo, só se aplica para o passado e o futuro. O aspecto é dividido em perfectivo e imperfectivo. No perfectivo, nós colocamos uma partícula prepositiva no inicio do verbo e com isso, modifica-se o significado daquele verbo. No imperfectivo, o verbo mantém o infinitivo.

Os adjetivos são posicionados antes dos substantivos, assim como em inglês, alemão, russo e mandarim. Em relação ao gênero, temos apenas o masculino e o feminino.

Esse foi apenas um breve panorama da língua lituana.

sexta-feira, 10 de março de 2017

About the title

In Lithuanian, the word lietus means rain and the verb lyti is to rain. Wether we observe these two words, we can think about the name Lietuva (Lithuania). There is in Lithuanian, an expression which if we realize it in Portuguese or even in English, it seems us a bit curious. This expression is lyja lietus, which could be translated as "the rain rains", as in the Brazilian song Chove Chuva ("the rain rains") by Jorge Ben Jor.

But leaving the music behind us, as Portuguese and English speakers it would be weird to talk like this. On the other hand, the Lithuanians use this expression for emphasizing this action of the nature. For us, it would be weird also thinking in the movement of the clouds through the sky like fish in an aquarium, or even though in the sea, but in Lithuanian, literally, the clouds swim in the sky, as we can see in the expression debesys plaukia; being the first word, the plural noun clouds and the second, the verb to swim in the third person of singular and/or plural which are the same in Lithuanian. Some of you maybe are also thinking that is weird the fact that I did not show you the definite article in the beginning of the sentence, but it occurs because in Lithuanian does not exist any kind of articles.

Let us get back to our title! Lietuva - Uma Jornada pelo País da Chuva (Lietuva - A Journey through the Country of the Rain). It was a caring way that I thought for playing with the meaning of this name and nicknaming it as País da Chuva (Country of the Rain), which is one of many accepted and debated theories among the Lithuanians, about the origin of this word. But that does not mean it is the truth behind the name of that country. There are another theories, but I, particularly, liked that one and have decided to use it as a title from my blog. Just imagine the possibility of making a journey through a country of the rain, where the clouds swim, the snow snows, the wind blows, and so on. In Lithuanian, thinking this way is possible and it has been helping me to open more and more my mind for accepting the new and descovering the poetry of this language.


segunda-feira, 6 de março de 2017

Sobre o título

Em lituano, a palavra lietus significa chuva e o verbo lyti é chover. Se observarmos essas duas palavras, podemos pensar no nome Lietuva (Lituânia). Existe em lituano, uma expressão que se a imaginarmos em português, nos parece um tanto curiosa. Essa expressão é lyja lietus, que poderia ser traduzida como "chove chuva" ou a "chuva chove", como na canção Chove Chuva de Jorge Ben Jor.

Mas deixando a música de lado, para nós falantes de português, seria estranho falar assim. Por um outro lado, os lituanos usam essa expressão para enfatizar essa ação da natureza. Para nós, seria estranho também pensar no movimento das nuvens no céu como peixes em um aquário, ou até mesmo no mar, mas em lituano, as nuvens literalmente nadam no céu, como podemos ver na expressão debesys plaukia, sendo a primeira palavra, o substantivo plural nuvens e a segunda, o verbo nadar na terceira pessoa do singular e/ou do plural que em lituano são nesses dois casos, idênticos. Alguns de vocês podem estar também achando estranho o fato de não aparecer o artigo definido plural no início da frase, mas isso ocorre pelo fato de que em lituano não existem artigos.

Voltando ao nosso título, Lietuva - Uma Jornada pelo País da Chuva, foi uma maneira carinhosa que achei ao brincar com o significado desse nome e apelidá-lo assim como País da Chuva, que é uma das teorias aceitas e debatidas entre os lituanos, sobre a origem dessa palavra. Mas isso não quer dizer que seja a verdade por trás do nome do país. Existem outras teorias, mas eu particularmente, gostei dessa e resolvi colocá-la como título para o blog. Imaginem a possibilidade de fazermos uma jornada por um país da chuva, onde as nuvens nadam, a neve neva, o vento venta, e ai por diante. Em lituano, pensar assim é possível e isso tem ajudado a abrir mais e mais a minha mente para aceitar o novo e descobrir a poesia desse idioma.

quarta-feira, 1 de março de 2017

Introduction - English version

This blog is an invitation to all of people who want to know about Lithuania and the Lithuanian language. I shall talk about several subjects, such as: language, people,  history, archeology, mythology, flora, fauna, music, poetry, literature, cinema, gastronomy, education, museums, art galleries, theatres, architecture, curiosities, lifestyle, among others. Not everyone knows about that country and its language. Next July, I am going to be there and I want to register this experience through the blog. I have been systematically studying Lithuanian since 5 October, 2015. This process has boarded me toward a journey through the living Indo-European language which is considered not just the oldest one and that that keeps the most archaic aspects, but as having it some elements which are found in dead languages, such as Sanskrit, Latin, and Classical Greek. And it could be closer than we can name as an "original" Indo-European language. Thereby, a new world has been introduced me and I would like to share it with you all. Be welcome and join me to this quest.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Esse blog é um convite a todas as pessoas que queiram saber sobre a Lituânia e sobre a língua lituana. Poderei falar acerca de temas variados, tais quais: a língua, as pessoas, a história, a arqueologia, a mitologia, a flora, a fauna, a música, a poesia, a literatura, o cinema, a gastronomia, a educação, os museus, as galerias de arte, os teatros, a arquitetura, as curiosidades, o modo de vida, entre outros. Pouco se divulga e se sabe sobre esse país e sua língua. Em julho próximo, estarei lá pessoalmente e quero registrar essa experiência através do blog.  Tenho estudado sistematicamente o lituano desde o dia 5 de outubro de 2015. Esse processo me fez embarcar em uma viagem pela língua indo-europeia viva que é considerada não apenas a mais antiga e que conserva os aspectos mais arcaizantes, mas como tendo elementos que podem ser encontrados em línguas como o sânscrito, o latim e o grego clássico, e que poderia estar mais próxima do que podemos chamar de uma língua indo-europeia "original". Com isso, um mundo novo foi apresentado a mim e eu gostaria de poder agora compartilhar com todos vocês. Sejam bem vindos e juntem-se a mim nessa jornada.